Notícias

Portugueses falham cut no Egito

O cut – para os 40 primeiros e empatados – fixou-se em 141 (-3), deixando em prova 45 dos 138 concorrentes iniciais (cinco desistiram entretanto).

João Girão e Pedro Lencart melhoraram significativamente no segundo dia, mas tal não foi suficiente para seguirem em frente para a terceira e última jornada.

Girão baixou cinco pancadas (75-70), para um total de 145 (+1), o mesmo agregado somado por Lencart (74-71). Terminaram ambos no grupo dos 71.ºs.

João Pinto Basto ficou nos 102.º, com 149 (74-75); João Magalhães, nos 109.ºs, com 150 (75-75); e Alexandre Abreu nos 116.ºs, com 152 (72-80).

O amador alemão Philipp Katich lidera com dois scores de 66 e um total de 132 (-12), seguido do holandês Mike Toorop com 134 (69-65). O belga Yente Van Doren (70-65) e o alemão Marc Hammer (66-69) partilham o terceiro posto com 135 (-9).

Note-se que, a 14 de Abril, Lencart havia ficado nos 12.ºs no Red Sea Ain Sokhna Classic, jogado no mesmo resort do Golf Club Sokhna, mas nos campos B+C. Girão também passou o cut nesse evento, sendo 43.º.

O Pro Golf Tour é uma das terceiras divisões do golfe profissional europeu. No final da época, os cinco primeiros no respectivo ranking conquistam a promoção ao Challenge Tour.

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Miraflores, 18 de abril de 2022

Fotografia © Filipe Guerra / Federação Portuguesa de Golfe