Notícias

Três Portugueses no DP WORLD TOUR em 2023 – Pedro Figueiredo e Ricardo Santos apurados na Escola de Qualificação

Mas o objetivo principal foi alcançado: garantiu o cartão de membro do DP World Tour para a próxima temporada. “Figgy” acabou na sétima posição, com um total de 406 pancadas (69+67+70+65+64+71, -22), empatado com o japonês Ryo Hisatsune e com os dinamarqueses Christoffer Bring e John Axelsen.

Quanto a Ricardo Santos, fez hoje exatamente o resultado de que necessitava para terminar entre os 25 primeiros e empatados. Marcou 69 pancadas (-2), numa volta ao “Lakes Course” em que somou resultados de PAR até ao buraco 11 e fez um “bogey” no 12. O algarvio teve então uma excelente sequência de três “birdies” consecutivos, entre o 13 e o 15, conseguindo dessa forma ficar dentro do grupo de 23ºs, mantendo-se nessa posição até ao fim da volta graças a resultados de PAR nos três derradeiros buracos. O seu resultado final foi de 411 pancadas (73+67+67+67+68+69, -17).

O terceiro português a participar na etapa decisiva da Escola de Qualificação foi Ricardo Melo Gouveia, que desistiu após a volta de ontem, numa altura em que já não tinha hipóteses de lutar por uma posição entre os 25 primeiros. Todavia, irá ter acesso à maioria das provas do circuito profissional Europeu em 2023, dado que estará integrado na Categoria 18 do DP World Tour.

A Etapa Final da Escola de Qualificação foi ganha pelo sueco Simon Forsstrom, com 399 pancadas (-29). O segundo lugar foi para o francês David Ravetto, que hoje entregou um cartão com 64 pancadas (-7) e teve um agregado de 401 (-27). Na terceira posição ficou o inglês Daniel Brown, com 402 (-26).

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Miraflores, 16 de novembro de 2022

Fotografia © Pedro Figueiredo