Skip to main content
Melo Gouveia desce e Santos sobe na Catalunha

Melo Gouveia desce e Santos sobe na Catalunha

|

Ricardo Melo Gouveia fez 75 (+3) pancadas na terceira volta do Catalunya Championship, caindo dos 9.ºs para os 36.ºs. Está no entanto bem colocado para obter a sua melhor marca do ano no DP World Tour. Ricardo Santos assinalou 72 (Par) subindo dos 65.ºs para os 61.ºs.

Melo Gouveia entrou para o fim-de-semana na corrida pela vitória: com 140 (-4), estava a somente três pancadas do líder na altura, o inglês Laurie Canter (-7). Mas a penúltima jornada, este sábado, não lhe correu de feição, tendo entregado um cartão com 4 bogeys e 1 birdie.
Embora o título seja já uma miragem nesta prova dotada com 2 milhões de euros de prémios, o português ainda persegue uma classificação de relevo no Stadium Course (Par 72) do PGA Catalunya & Welness, em Girona, Catalunha.

De regresso esta época ao principal circuito europeu de profissionais, onde já competiu entre 2015 e 2019, Melo Gouveia tem tido problemas com lesões que remontam à pré-temporada.

Em meados de março, na África do Sul, abandonou durante a primeira volta do MyGolfLife Open hosted by Pecanwood, devido a lesão no ombro direito. Só voltou a competir na semana passada no ISPS Handa Championship in Spain, em Tarragona, também na Catalunha, onde falhou o cut.

A sua melhor marca este ano, em seis torneios jogados, foi o 53.º lugar, em janeiro, no Abu Dhabi HSBC Championship, prova da Rolex Series, a série mais importante de torneios no DP World Tour.

Ricardo Santos, depois de ontem ter passado o cut no limite com voltas de 70-76, fez hoje 72 descolando dos 65.ºs para os 61.ºs, com 218 (+3).

Santos tem como melhor marca no DP World Tour 2021-2022 o 26.º lugar no Magical Kenya Open, tendo registado ainda mais dois top-50.

O sul-africano Oliver Bekker, com scores de 66-72-67, vai partir para a última volta a liderar com 205 (-11). Laurie Canter caiu para segundo, com 207 (-9). Os italianos Edoardo Molinari e Lorenzo Gagli são terceiros com 208 (-8).

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Miraflores, 30 de abril de 2022

Fotografia © Ramiro Jesus / Federação Portuguesa de Golfe

A Federação Portuguesa de Golfe é uma pessoa coletiva de direito privado e de utilidade pública, fundada em 20 de Outubro de 1949, constituída sob a forma associativa e sem fins lucrativos.

Morada

Rua Santa Teresa do Menino Jesus Nº6, 17º andar Miraflores 1495-048 Algés Portugal

Email
Telefone Sede

(chamada p/ a rede fixa nacional)

Redes Sociais

© 2023 Federação Portuguesa de Golfe. Todos os direitos reservados