GLOSSÁRIO

A - D

ALBATROZ:
Expressão usada para indicar a concretização de 3 pancadas abaixo do Par (apenas 2 num Par 5 ou 1 num Par 4).
APPROACH:
Pancada de aproximação para colocar a bola no green.
BACKSPIN:
Efeito que a bola ganha no contacto com a face do taco de golfe quando é batida. As ranhuras (grooves) da face do taco em contacto com as inúmeras pequenas concavidades (dimples) da bola ajudam a impelir a bola para o ar, produzindo o efeito de rotação contrária da bola. Se esse efeito não fosse criado, a bola, ao cair no green, dificilmente parava.
BACKSWING:
1ª parte do swing. É o arco que o taco descreve, em sentido ascendente até atingir o topo. Quando atinge esta posição inicia-se o downswing.
BIRDlE:
Resultado que consiste em se conseguir fazer uma pancada abaixo do Par de um determinado buraco.
BOGEY:
Este resultado corresponde a uma pancada acima do Par de um determinado buraco.
BUGGY:
Carro de golfe para transporte de jogadores e material de jogo.
BUNKER:
Obstáculo de areia num campo. São normalmente fundos e/ou estrategicamente colocados junto aos greens, à frente, nos lados e atrás.
CADDIE:
Pessoa que ajuda o jogador. Nomeadamente carregando os seus os tacos, pode também dar informações úteis sobre o campo, dicas como executar certo tipo de pancadas, taco a utilizar etc. Ao nível do golfe profissional exerce uma função de grande responsabilidade e está intimamente ligado aos êxitos dos jogadores. A este nível já ganha muito bem. Além do ordenado ganha uma percentagem de cerca de 10% sobre o valor do prize-money.
COURSE:
Campo de golfe.
CUT:
Numa competição de vários dias pode haver uma pré-qualificação em que as primeiras voltas qualificam jogadores para as últimas, essa qualificação é feita pela ordem de classificação até um limite definido pelo regulamento da prova. No caso de algumas competições de profissionais os que conseguem essa qualificação, ou seja, os que fazem o cut, já ganham dinheiro.
DIVOT:
Pedaço de relva que é normalmente arrancado do chão quando se dá a pancada na bola. Em Portugal há quem lhe chame "bife" e deve ser reposto no sítio onde ficou a pelada para que a relva volte a criar aí raízes.
DOGLEG:
buraco que curva à esquerda ou à direita em forma de cotovelo.
DORMIE:
Num jogo por buracos (match-play) diz-se que um lado está Dormie quando está tantos buracos acima quantos os que faltam jogar.
DOWNSWING:
2° parte do Swíng. Depois de completado o backswing inicia-se o movimento descendente do taco com o objectivo de bater a bola.
DRAW:
Ordem de jogo em competição, normalmente é divulgada com antecedência para que cada jogador possa programar a hora de chegada ao campo e tempo de aquecimento.
DRIVER:
Taco especial com uma cabeça mais volumosa utilizado quando se pretende atingir a máxima distância. Os melhores profissionais do mundo conseguem bater a bola a cerca de 300 metros de distância, o equivalente ao comprimento de três campos de futebol.
DRIVING RANGE:
Campo de treino para se treinarem as pancadas e as distâncias atingidas por cada taco.
DROP:
Acto de esticar o braço à altura do ombro e deixar cair a bola na área determinada pelas regras.