Notícias

Final Nacional Drive Tour –  A nova série dos jovens campeões nacionais

Debaixo de mau tempo tanto no sábado como no domingo, os outros campeões foram Ricardo Garcia (sub-18), do CG Ilha Terceira, Diana Pacheco (sub-18), do Paredes Golfe Clube, e Rodrigo Andrade (sub-14), do CG Montado.

Miramar, de Vila Nova Gaia, viu ainda mais quatro jogadores sagrarem-se vice-campeões: Pedro Neves (sub-18), Pedro Silva (sub-16), Alberto Costa Marques (sub-14) e Inês Pereira (sub-18).

Participaram na Final Nacional os primeiros 10 rapazes e as primeiras três raparigas de cada escalão do Ranking Nacional Drive Tour, considerando apenas as três melhores pontuações obtidas nos cinco torneios prévios da fase regular do Drive Tour – CN Jovens.

Na esmagadora maioria dos casos, os vencedores do torneio do Montado foram também os primeiros nos respectivos rankings, sagrando-se por isso campeões nacionais. Apenas uma exceção: em rapazes sub-12, António Mendes (Juvegolfe) ganhou a prova e foi vice-campeão.

RAPAZES SUB-18

O açoriano Ricardo Garcia, do CG Ilha Terceira, venceu o torneio no Montado (Par 72) com 148 pancadas (75-73) e com isso subiu do 2.º ao 1.º lugar no ranking do seu escalão sagrando-se campeão nacional de sub-18.

Pedro Neves partilhou o segundo lugar na prova com Martim Baptista (Vale de Janelas), ambos com 152, e foi vice-campeão nacional. João Maria Pontes liderava o ranking para esta final mas caiu para terceiro na tabela.

RAPARIGAS SUB-18

Diana Pacheco (Paredes GC) e Inês Pereira (Miramar), na imagem, travaram um emocionante duelo no Montado.

A primeira venceu pela margem mínima, 171 (80-91) contra 172 (85-87), e sagrou-se campeã nacional de sub-18, na senda de outras grandes amadoras de Paredes como Rita Félix, Leonor Bessa e Inês Barbosa.

Inês Pereira foi vice-campeã no escalão e a terceira finalista foi Sara Correia, do Palheiro, que somou 203 101-102.

RAPAZES SUB-16

Num ano em que se revelou um dos melhores amadores europeus de sub-18, Daniel da Costa Rodrigues, de Miramar, foi um categórico vencedor da Final no Montado e sagrou-se também campeão nacional de sub-16, em ambos os casos tendo como mais próximo adversário Pedro Silva, também de Miramar.

Daniel ganhou o torneio com 142 (69-73), -2, uma boa marca tendo em conta o mau tempo que se fez sentir, da mesma forma que sua irmã, Ana, foi campeã em sub-14, também sem perder para o par na Final.

E foi campeão no escalão somando 1615 pontos contra os 1400 de Pedro Silva, que finalizou com 148 (75-73).

Mais um jogador de Miramar, Diogo Mealha, foi terceiro no ranking de sub-16.

RAPARIGAS SUB-16

Três anos depois de ganhar em sub-12, Rita Costa Marques obteve o seu segundo título no Campeonato Nacional de Jovens – desta vez em sub-16.

A jogadora de Miramar venceu a prova com 151 (73-78), +7, e destronou Leonor Medeiros (Quinta do Peru) do topo do ranking do escalão.

Leonor Medeiros – que foi 2.ª no torneio com 156 (75-81), +12 – procurava o seu terceiro título seguido depois de ter sido campeã de sub-14 nos últimos dois anos.

A terceira concorrente foi Filipa Capelo (Quinta do Lago), terceira com 162 (80-82).

RAPAZES SUB-14

Rodrigo Andrade ocupava o 6.º lugar no ranking de sub-14 à partida para a Final no Montado, mas venceu-a a jogar em casa e, graças aos 750 pontos amealhados, é o novo campeão nacional no escalão de sub-14, somente com 90 pontos de vantagem sobre o vice-campeão Alberto Costa Marques (Miramar), que em 2017 tinha sido campeão de sub-12.

Rodrigo Andrade somou 155 74-81, +11, ganhando com duas de vantagem sobre Pedro Freitas (157 76-81), de Miramar. João Iglésias (Quinta das Lágrimas) foi terceiro com 160 (+16) e Alberto 4.º com 161.

RAPARIGAS SUB-14

Dos sete novos campeões nacionais jovens, Ana da Costa Rodrigues, de Miramar, foi a única a ganhar pelo segundo ano seguido. O ano passado tinha conquistado o título em sub-12, agora foi em sub-14 ao ganhar a prova no Montado com a excelente marca de 144 (69-75), ao nível do Par, o que lhe deu nove pancadas de vantagem sobre a grande favorita Sofia Sá (Quinta do Peru).

RAPAZES SUB-12

Tomás Araújo, do CG Miramar, é o novo campeão nacional de sub-12, sucedendo ao seu companheiro de clube Alberto Costa Marques.

António Mendes (em baixo), da Juvegolfe, foi o vencedor da Final no Montado com 153 (77-76), + 9, batendo Tomás pela margem mínima, mas teve de se contentar com o título de vice-campeão nacional. No ranking do escalão apenas 105 pontos os separaram.

António da Silva Trindade, da Quinta do Peru, foi terceiro com 156 (79-77) e 4.º no ranking. O 3.º no ranking foi Konstantin Mikirtumov, do Estoril

Fotografia dos campeões por Vasco Vilhena/GolfTattoo/FPG: Da esquerda para a direita, Tomás Araújo (sub-12), Miramar; Rodrigo Andrade (sub-14), Montado; Daniel da Costa Rodrigues (sub-16), Miramar; Ricardo Garcia (sub-18), Ilha Terceira; Ana da Costa Rodrigues (sub-14), Miramar; Rita Costa Marques (sub-16), Miramar; Diana Pacheco (sub-18), Parede

Gabinete de Imprensa da FPG

Lisboa, 12 de novembro de 2018