Notícias

Encontro Nacional de Esperanças Olímpicas – Dani qualifica Portugal nas Esperanças Olímpicas

A qualificação de Dani permite que a ele se juntem atletas do mesmo escalão ou do escalão imediatamente superior, sub-20.

Assim sendo, a FPG propôs a participação dos três primeiros atletas WAGR, uma vez que é esse o critério de integração previsto nas respetivas grelhas aprovadas pelo COP.

O Plano de Preparação Olímpica foi desenhado pela FPG e aprovado pelo COP. O planeamento, controlo e acompanhamento da época desportiva 2020, será partilhado, entre a FPG, COP e clube.

Este grupo de trabalho poderá aumentar se mais algum atleta se qualificar como Esperança Olímpica, uma vez que podem qualificar dois atletas por NOC/FN.

Nelson Évora, campeão olímpico em Pequim 2008, João Rodrigues, o atleta português com mais presenças – sete – em Jogos Olímpicos, Rui Bragança, olímpico de Taekwondo no Rio 2016, e Cristina Gomes, treinadora olímpica de Ginástica Artística, vão tornar inesquecível este Encontro Nacional de Esperanças Olímpicas, organizado pelo Comité Olímpico de Portugal com a colaboração da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, onde tudo vai acontecer entre as 10h00 de sábado e as 16h00 de domingo.

Serão 98 os jovens atletas em representação de mais de 60 clubes, de 14 modalidades – Andebol, Atletismo, Canoagem, Ciclismo, Equestre, Ginástica, Golfe, Judo, Natação, Pentatlo Moderno, Surf, Tiro com Armas de Caça, Triatlo e Vela -, acompanhados por 56 treinadores, a participar num fim-de-semana fundamental para a construção do caminho que os poderá levar a representar Portugal nos Jogos Olímpicos Paris 2024.

O programa envolve sessões para encarregados de educação e atletas, compreendendo áreas tão importantes como o doping, a nutrição, a psicologia e a comunicação. Mas também tem ações práticas centradas na experimentação de modalidades, nos programas de educação e integridade do Comité Olímpico de Portugal e ainda nas atividades da Academia Olímpica de Portugal.

O seminário “Esperanças Olímpicas” e o workshop de Controlo e Avaliação de Treino, mais a realização de testes de controlo, tornam o Encontro Nacional de Esperanças Olímpicas um evento igualmente marcante para os treinadores.

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Lisboa, 18 de janeiro de 2020

Fotografias © Federação Portuguesa de Golfe