Notícias

Campeonato de Madrid Absoluto Masculino – Daniel Rodrigues faz hole-in-one e colidera

“Dani”, de 16 anos, actual 115.º no ranking mundial amador, procura a sua segunda vitória internacional do ano no escalão absoluto, depois de ter ganho em Fevereiro o Internacional de Portugal.

Asier Aguirre é segundo classificado com 70 (-2) e Sergio Parriego, com 71 (-1), completou o lote de participantes que bateram o Par do campo na abertura.

A prova conta com 118 jogadores (eram 120, entretanto dois abandonaram) e houve mais portugueses em bom plano: João Maria Pontes, com 75 (+3), está nos 19.ºs. E Diogo Mealha e Lucas Lopes, ambos com 78 (+6), estão nos 38.ºs.

Diogo Mealha tem razões de queixa do seu final de volta, já que perdeu seis pancadas para o Par nos últimos três buracos, com bogeys nos 16 e 18 e quádruplo bogey no 17.

Ao fim da segunda volta, sábado, é feito um cut para os 40 primeiros e empatados, que neste momento está fixado, precisamente, em +6. No domingo jogam-se duas voltas.

O vice-campeão nacional absoluto Pedro Silva seguia ao nível do par após 12 buracos, mas nos últimos seis buracos de jogo assinalou três bogeys e quádruplo bogey (no 18) para entregar um cartão com 79, a que correspondeu um lugar entre 48.ºs.

Gonçalo Mata fez 80 e está nos 59.ºs e Marlon Neto-Bradley marcou 82 (+10) e está nos 76.ºs.

Daniel Rodrigues, Diogo Mealha. Pedro Silva, do CG Miramar; Luca Lopes, do CG Vilamoura, e Gonçalo Mata, do Oporto GC, competem em representação da seleção nacional, liderada pelo Treinador Nacional Nelson Ribeiro.

João Maria Pontes e Marlon Neto-Bradley, de Miramar, competem a título individual.

Fotografia: Daniel Rodrigues © Filipe Guerra/GolfTattoo/FPG

Gabinete de Imprensa da FPG

Lisboa, 10 de maio de 2019