Notícias

Andalucía Challenge de España – Arranque positivo para Ricardo Melo Gouveia e Vítor Lopes

Este é o primeiro torneio do Challenge Tour desde o Italian Challenge Open Eneos Motor Oil, no Golf Club Castelconturbia, em Agrate Conturbia, Itália, onde Melo Gouveia ficou entre os 8.ºs relançando a época no circuito: subiu 31 posições na ordem de mérito da Road to Mallorca, para 51.º na tabela.

A seguir ao Andalucía Challenge de España joga-se, no mesmo campo, o Andalucía Challenge e depois, de 19 a 22 de Novembro, o Challenge Tour Grand Final, no T-Golf & Country Club, em Palma de Maiorca, nas ilhas Baleares. Este último evento de encerramento de uma época atípica, pela pandemia, é só para os 45 primeiros no ranking da Road to Mallorcia após o Challenge de Cadiz.

Vítor Lopes, depois do 7.º lugar no Open de Portugal at Royal Óbidos, obteve convites para estes dois torneios que antecedem a Grand Final, e no final da volta de hoje contou como foi este primeiro dia, em que apenas 17 jogadores bateram o Par 72.

“Foi uma primeira volta positiva, de acordo com as condições climatéricas: bastante vento e um campo muito exigente, com greens pequeninos, greens rápidos, que, se falhados, nos deixam sempre em posições irregulares”, explicou.

“Foi o que me falhou hoje”, adiantou: “Fiz bastantes birdies (6), mas em três dos meus quatro buracos de erros, 2 duplos e 1 bogey, foram a chipchip e 2 putts. Foi muito penalizante, são erros que não se podem fazer. Mas, em Par do campo no final, aguentei-me bem, com um bom birdie num último buraco com 200 metros e vento contra [o 18, Par 3].”.

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Miraflores, 5 de novembro de 2020

Fotografia © Ricardo Melo Gouveia