Notícias

Alps Tour – Tomás Bessa luta pela vitória em Salamanca e Vítor Lopes entra no top-10

É que se na véspera era vice-líder com o espanhol Jacobo Pastor e o suíço Mathias Eggenberger, a duas pancadas do líder Thomas Elissalde (64), agora está sozinho no terceiro lugar, somando 135 (-9).

Já a desvantagem para o novo líder – Jacobo Pastor, que totaliza 131 (66-65) – aumentou para 4 shots. O escocês Ryan Lumsden é 2.º com 133 (-11).

Iniciando a volta no 10, Bessa teve como ponto alto do dia uma série de 3 birdies consecutivos, nos buracos 12, 13 e 14. E está no bom caminho para conseguir, pelo menos, o seu segundo top-5 consecutivo no circuito, depois do 4.º lugar da semana passada no Alps Andalucia, em Sevilha.

Dos quatro portugueses em competição, Vítor Lopes foi o que registou a volta mais baixa, com 67, a acrescentar ao 72 inaugural, para um total de 139 (-5). O que lhe proporcionou um grande salto na tabela, dos 35.ºs para 8.º, empatado com o francês Julien Foret e o austríaco Alexander Kopp.

Começando também do 10, Lopes teve uma série de buracos fenomenal, com 4 birdies 2 eagles, contra apenas 1 bogey, entre o 17 e o 6. Ou seja, jogou esses 8 buracos em… -8. O primeiro eagle, no 2, foi num Par 4. O outro foi no 5 (Par 5). Infelizmente terminou com bogeys no 8 e no 9.

Tomás Silva, caiu dos 18.ºs para os 23.ºs, ao acrescentar ao 70 inaugural um 73, perfazendo 143 (-1). E Miguel Gaspar passou o cut – para os 44 primeiros e empatados aos 36 buracos, entre 120 participantes – no limite, com 147 (75-72), nos 43.ºs.

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Miraflores, 1 de outubro de 2020

Fotografia © Greatgolf