Notícias

89.º Campeonato Internacional Amador de Portugal – Homens – “Dani” líder isolado para última volta

É o segundo ano seguido com um português na frente para os últimos 18 buracos, pois na edição passada Vítor Lopes ganhou comandando do princípio ao fim.

Afonso Girão completa a dupla portuguesa no último dia do Internacional, depois de, pelo segundo ano seguido, ficar entre os 40 primeiros e empatados (de entre 120 participantes iniciais) que passaram o cut.

Dani voltou hoje a exibir-se a alto nível entregando um cartão de jogo de 69 pancadas, 3 abaixo do Par 72 do campo, para um total de 205 (-11) e para uma vantagem de duas pancadas sobre o seu mais próximo adversário, o inglês Laurie Owen (207, 68-70-69).

Se na quinta-feira as 67 pancadas do jovem atleta da seleção nacional, de 16 anos, representaram o melhor resultado juntamente com o inglês Ben Schmidt e o espanhol Miguel Escolar, as 69 de hoje, a repetir o score do primeiro dia, não andaram muito longe disso. Só o austríaco Daniel Hebenstreit (66), o inglês Bailey Gill (67) e o finlandês Alex Hietala (68) fizeram melhor. Bailey Gill é terceiro com 208 (-8).

Dani iniciara esta volta empatado na frente com o inglês Charlie Thornton, que marcou 74 (+2) caindo para 6.º, com 210 (-6), empatado com o francês Lucas Abrial.

Como se sente o campeão nacional de sub-16 e n.º 1 do Ranking Nacional BPI em 2018 a liderar para a última volta? “É uma forma de me afirmar outra vez. Tenho de começar forte com birdies, porque eles também vão fazer birdies. Vou tentar ganhar amanhã”, disse ao Gabinete de Imprensa da FPG.

Dani sai amanhã pelas 13h11, num grupo com Laurie Owen e Bailey Gill.

Afonso Girão, com 219 (73-74-72), 3 acima do Par, inicia a jornada de sábado nos 38.ºs e vai tentar melhorar o 32.º lugar de 2018.

Fotografia de Daniel da Costa Rodrigues por Filipe Guerra/GolfTattoo/FPG

Gabinete de Imprensa da FPG

Lisboa, 15 de fevereiro de 2019