Notícias

5.º Torneio Drive Tour – Uns grandes vencedores em Amarante

Miguel Cardoso (sub-18), do Paredes Golfe Club, e Pedro Sousa Machado (sub16) e Francisca Rocha (sub14 femininos), ambos do Oporto Golf Club, reeditaram no 5.º Torneio Drive Tour os triunfos obtidos no 4.º Torneio Drive Tour, jogado no final de Julho no Lisbon Sports Club.

Em sub-14 masculinos, Tomás Araújo, do Club de Golf de Miramar, bateu Miguel Pinheiro, de Paredes, no ‘play-off’ por ‘morte-súbita’. E em sub-12, João Maria Ivo de Carvalho, da Quinta do Lago, fez a volta mais baixa do torneio, entre todos os participantes, para arrecadar o troféu.

Em sub-18, Miguel Cardoso – que este mês atingiu os quartos-de-final da Taça da Federação – BPI, fase em que perdeu para o então detentor do título Vasco Alves (Oporto) –  liderava aos 18 buracos com 3 pancadas de vantagem sobre a mais direta concorrência – e foi com essa margem que ganhou, mesmo tendo feito hoje mais 4 pancadas do que ontem (70-74), para um total de 144 (+8).

Pedro Mendes (Oporto) foi 2.º, com 147 (73-74), seguido do seu companheiro de clube Pedro Barbosa, 3.º com 151 (73-78). Estes dois jogadores eram vice-líderes para Cardoso após a jornada de sábado.

Em sub-16, a segunda e decisiva volta começou com Pedro Sousa Machado (Oporto) e Gonçalo Mendes (Paredes) empatados na frente, ambos com o bom resultado inaugural de 69 (+1).

Neste domingo, porém, Machado destacou-se ao marcar 71 (+3) contra o 80 (+12) do seu principal rival. Com 140 (+4), o jovem atleta do Oporto que recentemente liderou o Campeonato Nacional Absoluto – Audi aos 18 buracos venceu com 9 shots de diferença sobre Mendes, que somou 149 (+13). Afonso da Costa Rodrigues (Miramar) foi terceiro com 152 (76-76).

Os sub-14 masculinos proporcionaram a prova mais emotiva da competição, com um grande duelo entre Tomás Araújo (Miramar) e Miguel Pinheiro (Paredes), que liderava no primeiro dia com a vantagem mínima (72 contra 73).

Tomás Araújo – campeão nacional sub-12 em 2018 e 2019 – finalizou com 72 igualando o recém-sagrado campeão nacional de pitch & putt, que marcou 73. Tendo ambos concluído os 36 buracos regulamentares no topo com 145 (+9), foi necessário recorrer a um play-off.

Tudo se decidiu a favor de Tomás com um birdie logo no primeiro buraco do desempate, jogado no 8 (Par 4).

Em sub-14 femininos, Francisca Rocha repetiu o êxito do 4.º Torneio, desta vez somando 167 (81-86), 31 acima do Par, o que lhe deu 9 ‘shots’ à melhor sobre Rafaela Pinto (Quinta do Peru), que perfez 176 (88-88). Aline Marques (Cantanhede) foi terceira com 182 (84-98).

Finalmente, o escalão sub-12, onde João Maria Ivo de Carvalho – campeão nacional sub-10 em 2018 – brilhou a grande altura neste domingo, com 66 (-2), naquela que foi a volta mais baixa do torneio, entre todos os participantes.

Estava tudo em aberto para o último dia, com João Maria, Luís António Silva e Bernardo Ferreira da Costa (ambos de Miramar) empatado no primeiro lugar com 77. Mas, com aquele excelente resultado a fechar, o primeiro somou 143 (+7) para deixar o 2.º, Luís António Silva (77-71), a 5 ‘shots’ de distância. Bernardo, campeão nacional sub-12 de 2020, foi terceiro com 151 (77-74).

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Miraflores, 18 de outubro de 2020

Fotografia © Octávio Passos / GolfTattoo / Federação Portuguesa de Golfe