Notícias

1.º Torneio Drive Tour – Campeonato Nacional de Jovens – Três play-offs no arranque da época nacional

Houve nada menos do que três play-offs por morte-súbita, um deles em rapazes Sub18, com Pedro Silva, de Miramar, a bater o seu companheiro de clube Daniel Rodrigues no primeiro buraco do desempate, depois de terem feito voltas idênticas de 72-71 e somando 143 (-3).

Daniel Rodrigues é o detentor do título e também o campeão nacional amador absoluto, ao passo que Pedro Silva foi vice-campeão nesses dois campeonatos. Estiveram ambos uns furos acima da concorrência, já que o terceiro classificado, Calvin Holmes, da Quinta do Lago, precisou de mais seis pancadas no cômputo dos 36 buracos, somando 149 (74-75).

Ricardo Serpa, do CG Vilamoura, estreou-se a vencer no Drive Tour ao bater Pedro Sousa Machado, de Miramar, também no desempate. Uma volta final de 73, a melhor do escalão, proporcionou-lhe a subida do quarto lugar para o primeiro, com as mesmas 151 do seu oponente, que era 2.º aos 18 buracos e subiu um degrau fechando com 75.

Eduardo Bianchi, do Paço do Lumiar, foi terceiro com 156 (80-76) e o líder do primeiro dia, João Miguel Pereira (75-82), da Quinta do Peru, caiu para 4.º, somando 157.

O terceiro play-off deste 1.º Torneio Drive Tour foi em raparigas Sub14, entre Inês Belchior (90-89), da Quinta do Peru, e Francisca Rocha (94-85), do Oporto GC, que concluíram os 36 buracos regulamentares com 179 (+37). Foi favorável à primeira, que assim venceu pela primeira vez no circuito. Maria do Carmo Faria (Miramar) foi terceira com 188 (97-91).

Em Sub18 femininos, Leonor Medeiros (Quinta do Peru) – que em 2019 foi campeã nacional Sub16 – venceu na sua estreia no novo escalão com um total de 148 (75-73), o que lhe deu seis à melhor sobre Rita Costa Marques (Miramar), que somou 154 (79-75).

Ainda mais categórico foi o triunfo de Sofia Sá (Quinta do Lago) em raparigas Sub16. Totalizando 148 (73-75), ganhou com menos 13 pancadas do que Ana Rodrigues (161, 81-80), a bicampeã nacional Sub14 em 2019.

Os dois restantes escalões escreveram-se com o apelido dos irmãos Horno e sob o emblema da Quinta do Lago. Em rapazes Sub14, Kostka Horno, com 147 (73-74), ganhou com nove shots de vantagem sobre Tomás Araujo (Miramar), o bicampeão nacional Sub12 em 2019.

E em Sub12, Yago Horno perfez 155 (77-78) levando o troféu para casa. Gabriel Sardo (Quinta do Fojo) foi segundo com 158 (80-78).

 

Legenda: Os vencedores de cada escalão em gross: Pedro Silva (Miramar), em Sub18; Yago Horno (Quinta do Lago), em Sub12; Kostka Horno (Quinta do Lago), em Sub14; Sofia Sá (Quinta do Lago), em Sub16; Leonor Medeiros (Quinta do Peru), em Sub18; Inês Belchior (Quinta do Peru), em Sub14; e Ricardo Serpa (Vilamoura), em Sub16.

 

Gabinete de Imprensa da Federação Portuguesa de Golfe

Lisboa, 13 de janeiro de 2020

Fotografia © Filipe Guerra/GolfTattoo/FPG