.

A

ALBATROZ:

Expressão usada para indicar a concretização de 3 pancadas abaixo do Par (apenas 2 num Par 5 ou 1 num Par 4).

APPROACH:

Pancada de aproximação para colocar a bola no green.

B

BACKSPIN:

Efeito que a bola ganha no contacto com a face do taco de golfe quando é batida. As ranhuras (grooves) da face do taco em contacto com as inúmeras pequenas concavidades (dimples) da bola ajudam a impelir a bola para o ar, produzindo o efeito de rotação contrária da bola. Se esse efeito não fosse criado, a bola, ao cair no green, dificilmente parava.

BACKSWING:

1ª parte do swing. É o arco que o taco descreve, em sentido ascendente até atingir o topo. Quando atinge esta posição inicia-se o downswing.

BIRDlE:

Resultado que consiste em se conseguir fazer uma pancada abaixo do Par de um determinado buraco.

BOGEY:

Este resultado corresponde a uma pancada acima do Par de um determinado buraco.

BUGGY:

Carro de golfe para transporte de jogadores e material de jogo.

BUNKER:

Obstáculo de areia num campo. São normalmente fundos e/ou estrategicamente colocados junto aos greens, à frente, nos lados e atrás.

 

C

CADDIE:

Pessoa que ajuda o jogador. Nomeadamente carregando os seus os tacos, pode também dar informações úteis sobre o campo, dicas como executar certo tipo de pancadas, taco a utilizar etc. Ao nível do golfe profissional exerce uma função de grande responsabilidade e está intimamente ligado aos êxitos dos jogadores. A este nível já ganha muito bem. Além do ordenado ganha uma percentagem de cerca de 10% sobre o valor do prize-money.

COURSE:

Campo de golfe.

CUT:

Numa competição de vários dias pode haver uma pré-qualificação em que as primeiras voltas qualificam jogadores para as últimas, essa qualificação é feita pela ordem de classificação até um limite definido pelo regulamento da prova. No caso de algumas competições de profissionais os que conseguem essa qualificação, ou seja, os que fazem o cut, já ganham dinheiro.

 

D

DIVOT:

Pedaço de relva que é normalmente arrancado do chão quando se dá a pancada na bola. Em Portugal há quem lhe chame “bife” e deve ser reposto no sítio onde ficou a pelada para que a relva volte a criar aí raízes.

DOGLEG:

buraco que curva à esquerda ou à direita em forma de cotovelo.

DORMIE:

Num jogo por buracos (match-play) diz-se que um lado está Dormie quando está tantos buracos acima quantos os que faltam jogar.

DOWNSWING:

2° parte do Swíng. Depois de completado o backswing inicia-se o movimento descendente do taco com o objectivo de bater a bola.

DRAW:

Ordem de jogo em competição, normalmente é divulgada com antecedência para que cada jogador possa programar a hora de chegada ao campo e tempo de aquecimento.

DRIVER:

Taco especial com uma cabeça mais volumosa utilizado quando se pretende atingir a máxima distância. Os melhores profissionais do mundo conseguem bater a bola a cerca de 300 metros de distância, o equivalente ao comprimento de três campos de futebol.

DRIVING RANGE:

Campo de treino para se treinarem as pancadas e as distâncias atingidas por cada taco.

DROP:

Acto de esticar o braço à altura do ombro e deixar cair a bola na área determinada pelas regras.

E

EAGLE:

Resultado que consiste em fazer duas pancadas abaixo do Par de um determinado buraco.

 

 

F

FAIRWAY:

Zona de relva bem tratada e de corte baixo, que separa o tee de saída (ponto de partida) do green.

FERRO COMPRIDO:

Existem três tipos de tacos de golfe, madeiras, híbridos e ferros. Os ferros compridos têm uma vareta mais comprida, sendo a face do taco mais fechada (menos anglo), permitindo assim bater a bola com um voo mais baixo e atingir maiores distâncias.

FINISH:

É a posição final no Swing de Golfe.

FOLLOW-THROUGH:

É a passagem da cabeça do taco em baixo depois de bater na bola.

FORE:

Quando ouvir este grito proteja-se. Ele significa que uma bola vai “perdida” no ar, podendo atingir alguém.

FOURSOME:

É uma partida em que dois jogadores jogam contra outros dois e em que cada lado joga uma bola. Os parceiros jogam alternadamente dos pontos de partida e alternadamente durante o jogo de cada buraco.

 

G

GREEN:

Superfície de relva especialmente tratada e de corte muito baixo, onde se encontra o buraco assinalado com uma bandeira.

GREEN FEE:

É o que cada golfista paga para ter direito a jogar no campo.

GRIP:

Expressão técnica que define as formas como colocamos as mãos na pega do taco. Corresponde também à pega do taco normalmente em couro ou borracha.

GROSS:

É o resultado total do número de pancadas no final do jogo antes de lhe ser deduzido o handícap de cada golfista.

GUR:

Iniciais da expressão inglesa Ground under repair que significa terreno em reparação. Corresponde a qualquer parcela de campo marcada como tal pela Comissão Técnica ou assim classificada por um seu representante autorizado.

 

H

HANDICAP:

Abono atribuído a um golfista em função do seu nível de jogo. O máximo de handicap permitido em competições é de 36 pancadas na categoria de clube para senhoras e homens. Quanto mais alto é o handicap, pior é o nível de jogo.

HANDICAP DE JOGO:

Cada jogador deve encontrar o seu handicap de jogo para o campo onde vai jogar ou competir. Para isso deve utilizar seu handicap EGA e as tabelas de transformação do campo em causa.

HOLE IN ONE:

Resultado que consiste em terminar um buraco com apenas uma pancada. É um autêntico feito.

HOOK:

É o nome dado a uma pancada com a bola a descrever uma súbita curva da direita para a esquerda.

 

L

 

LIE:

Corresponde à posição da bola no campo. Quando se fala de equipamento, o significado passa então a ser o ângulo que a cabeça do taco forma com a respectiva haste.

LINKS:

Campo de golfe situado nos terrenos entre o mar e os terrenos de cultivo.

LOFT:

Expressão que designa o ângulo da face do taco. Este ângulo influência a trajectória da bola (altura e comprimento). Quanto maior for o loft (ângulo) mais alta e mais curta será a trajectória da bola.

 

M

MATCH PLAY:

Competição por buracos.

 

N

NETT:

É o resultado referente ao número de pancadas no final do jogo depois de deduzido o handicap de cada golfista.

 

O

OUT OF BOUNDS:

Fora dos limites. É qualquer zona para além dos limites do campo ou qualquer parte do campo marcada como tal pela comissão técnica.

OVER-SWING:

Ocorre quando um jogador perde o controlo do taco no top-swing, entre o fim do backswing e o início do downswing. O taco pode ultrapassar a horizontal e não ocorrer overswing e, por outro lado, pode não chegar à horizontal e ocorrer overswing.

 

P

PAR:

Iniciais da expressão inglesa Profissional Average Result.É o número de pancadas definido para cada um dos buracos de um campo de golfe, em função do comprimento desse buraco. Um buraco «Par 3» mede até 229 metros, um buraco «Par 4» mede entre 201 e 457 metros e um «Par 5» mede mais de 402 metros. O somatório dos «Par’s» dos 18 buracos define o «par do campo» que em geral, é de 72 pancadas.

PITCH-WEDGE:

Um dos 14 tacos que compõem um set de golfe. Designa-se também por ferro curto. Tem uma vareta mais curta e a face do taco é mais aberta. É utilizado para pancadas a distâncias mais curtas e de maior precisão. O ângulo da face (cerca de 48 graus) dá origem a um voo da bola mais alto.

PLAY-OFF:

Competição extra usada como sistema de desempate. Buraco a buraco no caso de competição em Match play, ou por pancadas no caso de Stroke play.

PUTT:

Pancada efectuada com um taco especial, o putter, quando a bola se encontra no green.

PUTTING-GREEN:

Uma das infra-estruturas de treino nos campos de golfe. Serve para treinar o Putt, ou o Chipp.

PRO-AM:

Competição em que participam profissionais e amadores. Jogando na mesma formação.

 

R

ROUGH:

Relva densa e de corte alto que ladeia o fairway.

 

S

SAND-WEDGE:

Um dos 14 tacos que compõem um set de golfe. Faz também parte dos ferros curtos. Tem a vareta mais curta e a face do taco tem um grande loft. É essencialmente utilizado para pancadas de dentro dos bunkers ou outras situações de dificuldade.

SET-UP:

Postura ou posição do jogador quando está colocado à bola, preparado para iniciar o swing.

SHANK:

Pancada defeituosa com o taco e que é considerada a pior no jogo de golfe: a bola viaja totalmente para a direita.

SHOT:

Pancada.

SLlCE:

Os principiantes incorrem frequentemente neste erro em que a bola descreve uma curva para a direita.

STABLEFORD:

Tipo de competição em que o resultado é encontrado por pontos. Os pontos são atribuídos por comparação com o resultado fixado para cada buraco (Par). Duas ou mais pancadas acima do Par = 0; Uma pancada acima do Par = 1 ponto; Par = 2 pontos; uma pancada abaixo do Par = 3 pontos e assim sucessivamente.

STANCE:

Posição dos pés.

STROKE PLAY:

Competição por pancadas.

SWING:

Movimento completo de rotação do corpo, durante o qual o taco descreve um arco, culminando com a batida na bola.

 

T

TEE:

Pequena base em madeira ou plástico onde se apoia a bola na primeira pancada de cada buraco.

TEE DE SAÍDA:

Ou ponto de partida é uma área normalmente elevada, assinalada com marcas de várias cores (brancas, amarelas e vermelhas), onde é executada a primeira pancada de cada um dos buracos do campo de golfe. Esta área é delimitada pelos limites exteriores das duas marcas ( frente e lados) e pela profundidade de dois tacos de golfe.

THREESOME:

É uma partida em que um jogador joga contra outros dois e em que cada lado joga uma bola. Os parceiros jogam alternadamente dos pontos de partida e alternadamente durante o jogo de cada buraco.

Golfe para todos

Golfe para todos

É cada vez mais simples começar a praticar um dos desportos mais desafiantes do mundo.
Vem descobrir o prazer do golfe num campo perto de ti.

Experimenta hoje mesmo.
Sem equipamento.
Sem experiência.
Sem custos.

Deixa-nos o teu nome e email e nós prometemos preparar a bola para dares várias tacadas.